Depressão E Transtorno Bipolar

Depressão e transtorno bipolar! A dupla personalidade, assim como alterações repentinas de humor, são algumas das características que mercam o transtorno bipolar. Quem é que nunca acordou de mau humor de manhã. Mas já no início do dia no trabalho ou na escola tudo correu superbem e a felicidade tomou conta de seu interior? Alterações de humor são comuns no dia a dia das pessoas! Mas você sabe até que ponto isso é normal?

 

O transtorno bipolar tem causado dúvidas entre as pessoas e, por isso, alguns pacientes com a doença ainda estão sem tratamento. Assim, vale conhecer as características desse problema que atinge cerca de 8% da população. Segundo a Associação Brasileira de Transtorno Bipolar (ABTB). Explicaremos mais um pouco sobre o tratamento, suas consequências, suas causas. Vamos lhe ajudar a identificá-lo (é claro, sem substituir de maneira alguma uma consulta médica).

 

TURBILHÃO DE SENTIMENTO ENTRE DEPRESSÃO E TRANSTORNO BIPOLAR)

O transtorno bipolar é diagnosticado com alterações de humor. Que aparecem como episódios depressivos alternados com os de euforia – também conhecidos como mania, em diferentes graus de intensidade. Geralmente, ele é caracterizado por mudanças no modo de ser habitual, com o paciente apresentando-se mais triste, irritado, sem ânimo ou impaciente – em sua forma depressiva. Ou com a mente, a fala e o comportamento acelerados – o que caracteriza sua forma eufórica.

 

Estas duas maneiras podem se somar e coincidir na mesma pessoa, resultando no transtorno bipolar. Explica o psiquiatra do Hospital Adventista Silvestre, Sander Fridman. A ABTB diz que essa doença é uma condição médica frequente. O de tipo 1, que se dá pela presença de episódios de depressão e de mania, ocorre em cerca de 1% da população geral.

 

Já se considerar os quadros mais brando – os denominados ‘espectros bipolares’. Como o tipo 2, que é marcado pela alternância de depressão e episódios mais leves de euforia. A predominância pode chegar a até 8% da população. Assim, estima-se que cerca de 1,8 a 15 milhões de brasileiros sejam portadores do transtorno bipolar, em suas diferentes formas de apresentação.

 

EM CADA FASE, UMA SENSAÇÃO NA DEPRESSÃO E TRANSTORNO BIPOLAR

Em bora seja típica nas crises, a característica mais marcante presente nos portadores do transtorno. É a mudança em relação ao modo habitual de ser da pessoa. Segundo o profissional, algumas pessoas podem ter seus sintomas por tempo tão prolongado que eles se confundem com a personalidade do doente. Confira a seguir as duas fases mais marcantes do transtorno bipolar.

 

DEPRESSÃO

A depressão e transtorno bipolar? Nesse período, pode ocorrer a perda quase completa dos interesses pessoais. Bem como falta de energia e de iniciativa, uma extrema inquietude angustiada, sono ruim – acordando, muitas vezes, cedo demais ou sono excessivo. “Atenção e memória podem ficar muito prejudicadas, interferindo no desempenho no trabalho, nos estudos e na capacidade de cuidar de um dependente. Por exemplo, e até de andar sozinho pela rua com segurança”, explica Sander.

 

A pessoa, normalmente, falta muito pouco, com volume de voz baixo e expressão corporal contida. “Pode haver também a perda do desejo sexual e até capacidade de amar ou de vivenciar o amor. Ameaçando a continuidade dos laços familiares”, completa o psiquiatra. Preocupações ou desejo de morrer também são comuns, assim como fantasias, planos e tentativas de suicídio.

 

Cujo risco é alto e aumenta muito mais quando associado ao abuso ou dependência de álcool. “Às vezes, visões de pessoas que já morreram, vozes que falam com o doente ou lhe comandam fugas e atos suicidas. Podem acompanhar e agravar muito o quadro, aumentando o risco para a sobrevivência dos pacientes”, conta o profissional.

 

EUFORIA

 

A forma maníaca é um estado de exaltação do humor, com aumento de energia, sem qualquer relação com o momento o momento em que a pessoa está vivendo. Nesse período, o paciente não está deprimido nem alegre por motivo especial. Mas apresenta humor eufórico ou irritável. Em geral, a mudança do comportamento na euforia é súbita, mas o indivíduo não percebe sua alteração ou a atribui a algum fator de momento. O senso crítico e a capacidade de avaliação objetiva das situações ficam prejudicados ou ausentes. Essa fase pode ser acompanhada de um aumento no desejo e na disposição sexual, na interação social.

 

E na redução da necessidade de sono diário podendo interferir na capacidade intelectual. Aumentando nos casos mais leves e piorando nos mais graves, pela incapacidade de se concentra. Além do estresse cumulativo decorrente das consequências de seu comportamento perigoso. Sua apreciação otimista da realidade é capaz de atingir extremos. Em que a pessoa pode julgar-se ilimitada em suas capacidades em geral. Como voar, assumir dívidas, vencer pessoas armadas, etc. pode também acreditar que alguém está preparando alguma forma de ataque. Ou perseguição contra ela, e eventualmente, tomar a iniciativa de ‘atacar antes’.
. Transtorno Bipolar Causas

E-Book Delícias Que Emagrecem? Insira Seu E-mail e Comece a baixar Hoje mesmo o e-Book

Emerson Fittpaldi

Olá! Eu me chamo Emerson Fittpaldi sou criador desse site. Nesse site você vai aprender tudo sobre como ter uma boa qualidade de vida, reeducação alimentar, aprende sobre quais alimentos que previne doenças, sucos de frutas e vegetais para emagrecimento...

Website: https://saudefrutasevegetais.com.br/

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *